Thursday, April 17, 2008

Uma Chamada Perdida



Em uma semana, duas estréias de refilmagens de filmes asiáticos que fizeram sucesso. Mas como americano não gosta de filmes estrangeiros, o jeito é refazê-los, e de preferência sem mexer no roteiro. Assim o tailandês Espíritos virou Imagens do Além e perdeu totalmente a graça para quem assistiu o original. Agora, a vítima da vez é o japonês Shuttler, aqui batizado de Uma Chamada Mortal (One Missed Call, de Eric Valette). Nele, um grupo de amigos começa a morrer em sequência após receber determinada ligação em seus celulares. Uma das meninas do grupo e que provavelmente será uma das próximas a morrer, Beth (Shannyn Sossamon) se une ao detetive Jack (Edward Burns, de O Resgate do soldado Ryan). Ambos têm ligação com algumas das pessoas mortas e começam a investigar o que estaria causando os incidentes. Uma Chamada Perdida até provoca alguns sustos, mas a conclusão é de que ao ser desvendado o mistério, nota-se que não existe explicação plausível para que tais assassinatos ocorram. O espectador fica com aquela sensação de que os roteiristas, tanto japoneses quanto os americanos, foram preguiçosos. "Vamos provocar alguns sustos, mas para que algo lógico?", devem se perguntar.

1 comment:

Mauro Mendes Urban said...

Assisti ao filme na sessão do Cena de Cinema. Bem ruim mesmo...
O final chega a ser engraçado de tão clichê.