Wednesday, November 24, 2010

Minhas mães e meu pai



Minhas mães e meu pai trata de um tema cada vez mais comum, principalmente no Primeiro Mundo. A criação dos filhos por pais do mesmo sexo, e como isso influencia o crescimento e a educação dessas crianças.
Laser e Joni são filhos do casal Nic (Annette Bening) e Jules (Juliane Moore), nascidos através de inseminação artificial. Aos 15 anos, o garoto quer saber quem foi o doador do esperma. Sua irmã, de 18 anos, Joni (Mia Wasikowska, de Alice no País das Maravilhas), vai através da informação e descobre que ele é o descolado Paul (Mark Ruffalo), dono de um restaurante natureba.
Claro que a chegada de Paul na vida da família aparentemente tranquila, vai trazer sérias consequências. No estilo solteirão e galanteador, ele mudará a atitude de Laser, Joni e Jules, para indignação de Nic. Benning faz o papel clichê do homem da relação, mas o faz bem. Ela acha que a presença de Paul é totalmente ofensiva e desagregadora. Minhas mães e meu pai tem seus momentos de encanto, engraçados e até mesmo as cenas de sexo são bem feitas. Para refletir.
O filme é dirigido por Lisa Cholodenko, ela mesma homossexual assumida e casada há duas décadas.
Cotação: bom
Chico Izidro

1 comment:

Mariana said...

Me surpreendi com este filme. Ótima história e ótimas atuações.