Saturday, December 21, 2013

"Jovem e Bela"

Na década de 1960, Catherine Deneuve era a esposa insatisfeita que prostituia-se em "A Bela da Tarde", clássico dirigido por Luis Buñuel. Agora, a jovem francesinha Isabelle (Marine Vacth), após receber uma proposta de um homem para transar, fica pensando na cantada, aceita, liga de volta e adora a experiência. Então passa a ganhar uma grana prostituindo-se em "Jovem e Bela", de François Ozon.

Isabelle tem apenas 17 anos e transa só com homens mais velhos, em quartos de hotéis, e que podem lhe pagar entre 300 e 500 euros por programa. A experiência para ela é prazerosa, além de ganhar muita grana no período da tarde, já que pela manhã ela frequenta a escola. E em sua vida dupla, consegue enganar totalmente seus pais, até que um acontecimento vai fazer cair por terra sua vida de prostituta. E aqui não posso contar o que ocorre.

A atriz Marine Vacth tem apenas 23 anos, e uma beleza impar. Sua atuação mostra um olhar frio, distante, ela quase não mostra os dentes, ou seja, não ri no filme. Na parte final, "Jovem e Bela" ganha um ótimo momento com a participação da veterana Charlotte Rampling, que vive uma ex-esposa de um dos clientes de Isabelle.

Cotação: bom
Chico Izidro

No comments: