Friday, November 02, 2012

"Porto dos Mortos"


Em tempos de um seriado televisivo de rigor estético e roteiro afiado de "The Walking Dead", é decepcionante assistir "Porto dos Mortos". Mesmo com a produção local, já que foi filmado em Porto Alegre e Viamão e dirigido pelo gaúcho Davi de Oliveira Pinheiro, com atores do Estado, não dá para passar a mão na cabeça. O filme é ruim, é mal-feito.

Numa Porto Alegre pós-apocalípse, um policial solitário vaga em seu maverick preto à caça de um serial killer, que estaria possuído por um demônio. A cidade está tomada por zumbis, e os poucos sobreviventes se refugiam em prédios abandonados. Em sua trajetória, o policial (Rafael Tombini) depara com um samurai japonês atrapalhado, um casal de jovens que está conseguindo sobreviver no meio do caos graças à esperteza, e mortos-vivos que simplesmente não atacam ninguém. Ficam lá, zanzando, patéticos.

Infelizmente o roteiro de "Porto dos Mortos" é capenga, apesar do cuidado em não ocorrer erros de sequência. As atuações também impressionam pelo amadorismo completo. Faltou melhor direção dos atores, que muitas vezes declamam suas falas. Os personagens, aliás, beiram o caricatural. Um dos vilões lembra um cangaceiro usando uma máscara antigás. A maquiagem é de uma precariedade rísivel. Até no evento Zombie Walk, o visual dos participantes é melhor elaborado. Aqui a produção parece ter se contentado em passar uma tinta cinza no rosto dos atores, e era isso.

Cotação: ruim
Chico Izidro

No comments: