Thursday, September 28, 2017

“Kingsman: o Círculo Dourado” (Kingsman: The Golden Circle)



“Kingsman: o Círculo Dourado” (Kingsman: The Golden Circle), dirigido por Matthew Vaughn, infelizmente não tem o mesmo pique do divertido “Kingsman: Serviço Secreto”, lançado em 2015. Esta sequência até não é ruim, mas não consegue se aproximar do original. Apesar de trazer novamente boas cenas de ação, humor, mas desta vez as lutas soam um quanto tanto exageradas, com aquela câmera treme-treme, que tira a paciência de qualquer espectador.

Além do que a premissa é de uma bobagem monumental: os maconheiros do mundo são envenenados ao fumar seus baseados e morrerão se os Kingsman não conseguirem um antídoto, que está nas mãos da vila Poppy Adams, vivida com um certo exagero por Juliane Moore.

Mas a trama começa antes, quando os Kingsman sofrem um atentado e quase todos eles morrem, sobrando Eggsy (Taron Eggert) e Merlin (Mark Strong). Então eles têm de juntar forças ao Statesmen – sim, os norte-americanos e sua agência de espionagem equivalente à inglesa, para combater Poppy e seus asseclas.

As participações de Channing Tattum, Pedro Pascal, Halle Berry e inclusive Elton John são divertidas. Mas no entanto, tudo parece tão exagerado, que acaba enervando, ao invés de trazer um pouco de diversão.

Duração: 2h21min

Cotação: regular
Chico Izidro
Post a Comment